TODA VERSATILIDADE DE MACRAMÉ

macramê (do árabe makrama “guardanapo” ou “toalha”) é uma técnica de tecelagem manual que consiste no uso de nós originalmente usada para criar franjas e barrados em lençois, cortinas toalhas etc. É mais do que provável que tenha surgido com a evolução natural dos nós básicos para um trabalho mais elaborado. por ser uma técnica muito boa para diversas atividades. O macramê pode ser usado como fonte de renda para algumas pessoas e famílias.

Mariana morcelli, mari, ou @maricota.macrame, conheca suas peças pelo instagram e conheçam um pouco sobre a arte do macramé

A respeito da arte do macramê chegou na vida da Artesão,   porque ao longo dos anos fez vários eh artesanatos como por exemplo o bordado, a costura, a pintura.  Mas nenhuma despertou a identidade criativa. Em tempos de pandemia após alguns estudos sobre as técnicas do artesanato  conheceu tudo e se apaixonou pelo macramê.  Aprendeu tudo sozinha sobre a história do macramê vindo na atualidade, em roupas, decoração, no paisagismo, e acessórios. e o melhor descobriu uma nova forma como fonte de renda, seus trabalho já foram apreciados em feiras e em seu ateliê ,  mãe, casada, mãe de dois filhos , a artesã uniu o útil ao agradável, hoje a Artesão divide seu tempo em cuidar da casa, filhos, casamento e profissão

@maricota.macrame

Rua Suzan karacas Hunner 480 pq universitário II

Telefone para contato (14) 99191_5476

Etimologia

Não se sabe com certeza de onde veio o nome macrame, mas geralmente concorda-se que não é uma palavra francesa, como parece ser; a opinião da maioria é que deriva da palavra árabe migramah; isso parece razoável tendo em vista o longo uso da palavra na tecelagem árabe. Migrama, literalmente significa ‘proteção’, e passou a significar o xale ou a cobertura de cabeça que é comum aos árabes. A derivação é reforçada pelo fato de que na língua turca, que é aliada ao árabe, existe a palavra mskrama, que se refere a toalha ou lenço com franjas, ‘franja’ sendo a conexão principal.

História

Os espanhóis aprenderam o ofício com os mouros e o espalharam pelo sul da Europa no início do século XIV. Era uma arte bem estabelecida na França entre os séculos XIV e XV, sendo conhecido como filet-de-Carnassiere,[3] e introduzida na Inglaterra no final dos anos 1600.

O macrame floresceu na Itália nos séculos XVII e XVIII e gozou de enorme popularidade durante todo o período vitoriano, quando as senhoras passavam o tempo criando franjas sofisticadas e todos os tipos de enfeites amarrados.

As freiras da Espanha e da França, especialistas em todas as formas de bordar e fazer rendas, foram rápidas em ver as possibilidades desse nó decorativo e o desenvolveram a partir de suas franjas originais, em curso de lã, em uma linda, fina e atada renda. Tornou-se parte da cena geral da Igreja; e hoje existem várias pinturas contemporâneas que podem ser vistas em museus e catedrais, particularmente no Hemisfério Norte, que mostram temas religiosos com macramê, com roupas e panos de altar.

Foi especialmente durante o meio do século XIX, na Inglaterra vitoriana, que o macrame se popularizou como um artesanato complementar para a decoração de interiores que já eram excessivamente ornamentados e super-decorados. 

Terminologia

Fio de montagem

Quando o trabalho não é montado diretamente sobre uma peça de tecido, fivela, argola, uma haste de madeira, bambu, etc; é preciso montar o trabalho sobre um fio ou cabo. Após o término o fio poder ser retirado ou rematado.

Nó de montagem

Também chamado de “nó de cabeça de calhandra”, é o nó usado para dispor os fios sobre o fio de montagem. Há também o nó de montagem invertido.

Nó simples

Também chamado “nó de passamanes”, “nó de frivolité“, “volta de fiel” ou “nó de botoeira” é o nó básico simples ao redor de um fio, pode ser feito no sentido horário ou anti-horário.

Nó festonê

O nó festonê é constituído de dois nós simples em sequência sobre um fio que é denominado “fio guia”; pode ser horizontal, vertical ou diagonal.

Canvadoli

O macramê de Cavandoli também é chamado de tapeçaria é uma forma tradicional usada para criar padrões geométricos, é executado principalmente em nós simples, nós duplos e meio nós duplos; ou seja, séries de festonês, porém de linhas avulsas que podem ter outras cores e assim formar padrões; o macramê de Cavandoli originalmente só realizava festonês horizontais. Foi inventado por Madame Valentina Cavandoli na Itália, Valentina Cavandoli (1872-1969) nasceu em 1872 em Régio da Emília. Ela era uma professora talentosa e posteriormente se tornou a diretora de uma casa para crianças pobres e/ou órfãs, chamada Casa del Sole, em Turim, no final da Primeira Guerra Mundial. Cavandoli fez um curso no método Montessori e iniciou um experimento único quando, em 1915, tornou-se responsável por uma escola para crianças que precisavam de assistência; em 1961 foi homenageada e recebeu uma medalha de ouro de reconhecimento antes de falecer em 1969, aos 97 anos de idade

Compartilhe esse artigo nas redes sociais

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on email
Email
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email

SOCIAL BY MARÔ VIANA – ANO I – EDIÇÃO 312

Laiana Scaranello, Geminiana da vizinha   Adamantina SP , dona da frase…Apenas por diversão Evoluir leva tempo, mas vale a pena. celebra hoje o dia de seu nascimento como um raio de luz que nos invade com tanta beleza não ia passar em branco, bjs meu amor, Que Deus te abençoe e

Ciranda Cultural – Oficinas Culturais

No dia primeiro de maio teve início, em Tupã, o Projeto CIRANDA CULTURA, realizado pelo Instituto Luiz Bertazzoni de Artes e Cultura. O projeto tem por objeto oferecer às crianças e adolescentes do município oficinas de artes gratuitas em diversos segmentos artísticos, como Ballet, Capoieira, Teatro, Música, Zumba entre outros.

DU CHEFF PIZZARIA TUPÃ – ESPAÇO PRESENCIAL – VISITA TECNICA

È AMANHA …..19h30 Inauguração da Ducheff Pizzaria em modo Presencial, ou seja todo o sabor e excelente atendimento nem ambiente amplo e aconchegante, grandes novidades em um novo cardápio e muitas novidades, os Cheffs Isau Veríssimo e Daniel Medeiros , esperaram a pandemia passar e fizeram tudo com muito bom

SOCIAL BY MARÔ VIANA – ANO I – EDIÇÃO 311

“ Embaixador “ Na melhor versão Gusttavo Lima, o guapo tupiniquim: “ Victor Fernandes “ foi assunto mais uma vez em meio aos flashs, do lance, no último FDS. O jovem gato que acaba de assinar sua carteira em novo conglomerado agrícola da nossa estância, fazendo jus ao estilo de vida

as quatro estações de vivaldi em recanto Motel

A Semana mais romântica do ano está chegando e Recanto traz para você a IV Love Week- nos inspiramos nas 4 estações para que possamos refletir que cada um de nós somos um universo de possibilidades … e vivemos momentos diferentes que precisam ser compreendidos … quando esse universo compartilha

SOCIAL BY MARÔ VIANA – ANO I – EDIÇÃO 310

No mundos dos fashionistas , Moda é coisa de indústria e Estilo cada um tem o seu, como diária “Glorinha Calil”, acho que assim definimos, a criatividade e bom gosto de Fla Baracat, a cada pesquisa para a nova estação ele faz bonito além da pesquisa in loco, ansioso para

odair marcuzzo 70 anos

FAMILIA MARCUZZO, é sempre um grande aprazer estar com vocês, primeiro por todo o carinho e acolhimento com todos, Silvana e Ana Paula, tenho certeza que o Odair esta muito Feliz, todos os detalhes estavam impecáveis, a muito tempo um sábado não estava tão badalado em terra tupiniquins, alias estávamos

03 aninhos do DUDU

Os queridos Amanda e Ricardo Manzano receberam no sábado no Buffet Maquina da Alegria os amigos, vips e familiares para celebrar os 03 anos de Eduardo DUDU Manzano, os avós Lucilene  e Marcelo Sabatine, Martha e Valter Manzano também compartilharam deste momento de muita alegria, e brincadeiras, Dudu espoleta como

Rolar para cima